Magnum especial?  Por inúmeras vezes sentenciamos ser o pautado exemplar um Magnum diferenciado.  E porquê o fizemos?  Pela sua cor Prata Tibet, código Chrysler TA3?  Certamente que não, pois na linha 1980 temos catalogados onze outros na mesma cor (o Prata Tibet é cor encontrada exclusivamente na linha 1980, cor essa que substituiu o Cinza Báltico -SA2, restrita à linha 1979) e dez unidades oficialmente registradas nos respectivos Detrans como cinza ou prata, não obstante poderem ser Cinza Poly, código TA4 (desses dez, provavelmente dois remanesçam).

Se não pela cor, pela conservação e originalidade?  Igualmente não, visto que outros exemplares receberam o mesmo resguardo de seus proprietários ao longo dos últimos quarenta anos.

Classificamos o em voga Magnum como especial pelo “conjunto da obra”, nela incluso seus incríveis, ou inacreditáveis, 15.229 km rodados, conforme crava, para deleite de todos nós, apreciadores dos Dodges Magnuns brasileiros, a imagem 6.

Compartilhe nas redes sociais!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
Voltar