Produzido pela Chrysler do Brasil de Setembro/1978, já como linha 1979, a Agosto/1981.

Itens de série

  • Acendedor de cigarros;
  • Bancos em veludo navalhado acrílico, com 3 opções de cores para o interior -azul, bege e preto-. Os
  • dianteiros individuais com encosto alto e reclináveis, e os traseiros com descanso de braço;
  • Baterias de 50 ampéres-horas ou 54 ampéres-hora quando com ar-condicionado;
  • Câmbio manual de 4 marchas com alavanca no assoalho;
  • Direção hidráulica;
  • Esguicho elétrico para o limpador de para-brisa -a partir da linha 1980-;
  • Espelho retrovisor externo ajustável internamente;
  • Espelho retrovisor interno tipo dia e noite, manivelas dos vidros, pinos de trava das portas e suportes dos
  • puxadores de portas na cor cinza;
  • Espelho no para-sol direito -a partir da linha 1980-;
  • Faróis bi-iodo;
  • Freios a disco na dianteira e tambor na traseira;
  • Frisos autocolantes em ambas as laterais envolvidos por faixas adesivas nas cores do teto de vinil e do
  • interior (linha 79). Nas linhas 80 e 81, frisos autocolantes em ambas as laterais sem as faixas adesivas;
  • Fuel Pacer System -sistema de economia de combustível-;
  • Ignição eletrônica;
  • Iluminação interna no porta-luvas, no porta-malas e no compartimento do motor;
  • Interior monocromático –almofada do painel, bancos, carpete, forro do teto, laterais e volante-;
  • Motor V8 pintado na cor dourada com 5.212 cm3 -208cv de potencia a 4.400 rpm com torque de 42
  • kgfm a 2.400 rpm-;
  • Painel com relógio de horas elétrico a quartzo;
  • Pneus radiais 185 SR 14;
  • Porta-luvas com chave;
  • Porta-malas revestido com carpete na cor preta;
  • Rádio AM/FM -a partir da linha 1980, som estéreo- com toca-fitas -dois alto-falantes coaxiais na traseira e um no painel- e antena com acionamento elétrico;
  • Rodas aro 14 com tala de 5,5 polegadas com exclusiva calotas raiadas;
  • Sistema de refrigeração com radiador de 19 litros com defletor de ar;
  • Sistema especial para o isolamento acústico no assoalho, no interior do capô do motor, no interior das portas, no interior do porta-malas e nas caixas de rodas;
  • Sistema especial de absorção de ruídos na parede “corta-fogo”;
  • Tanque de combustível para 107 litros;
  • Temporizador para o limpador de para-brisa -a partir da linha 1980-;
  • Ventilação forçada com duas velocidades;
  • Vidros ray-ban com faixa dégradé no para-brisa;
    • Comprimento: 5,14 mts;
    • Largura: 1,83 mts;
    • Distância entreeixos: 2,82 mts;
    • Altura: 1,33 mts;
    • Bitola dianteira: 1,48 mts;
    • Bitola traseira: 1,43 mts;
    • Porta-malas: 407 lts;
    • Peso: 1.678 kg

Preço

Outubro/1978: Cr$ 296.400,00 (cruzeiros) equivalentes, pelo Índice Geral de Preços -IGP DI-, a R$ 203.500,00 (reais) em Outubro/2016.

Opcionais

  • Ar-condicionado;
  • Rodas em liga leve -a partir da linha 1980-;
  • Teto solar -“Sun-Roof”- a partir de Agosto/1979-, com acionamento elétrico no painel;
  • Transmissão automática de 3 velocidades com alavanca também no assoalho –com sistema Lock Up a partir de Maio/1979-.

Unidades produzidas

  • 833 em 1978
  • 1.208 em 1979
  • 78 em 1980
  • 127 em 1981

Cores

  • Linha 1979: azul cadete (SB3), azul estelar (SB9), bege cashmere (ST2), branco ártico (SW1), cinza báltico (SA2), marrom sumatra (ST5) e vermelho alcazar (SR5);
  • Linha 1980: azul cadete (SB3), azul geada (TB2), branco ártico (SW1), castanho camurça (TT4), cinza poly (TA4), marrom calcutá (TT8) e prata tibet (TA3);
  • Linha 1981: branco paina (L9A), castanho camurça (L8A) e marrom café (L8B) (sólidas) e cinza chumbo (L7C), marrom avelã (L8C) e verde turmalina (L6A) (metálicas);
  • Para exemplares com a cor preta (LX9) somente sob encomenda.

Remanescentes

Cremos existirem cerca de 440 Dodge Magnum, sendo 162 dos fabricadas em 1978, 235 das unidades construídas em 1979, 16 exemplares da produção de 1980 e 28 remanescentes do derradeiro ano de fabricação.

Este site, que não arrecada um só centavo de seus usuários ou visitantes, foi por nós idealizado para aproximar os antigos apaixonados pelos Dodge Magnum dos novos, para que os sempre enamorados pelos Dodge Magnum se permitam restaurar os exemplares ainda decaídos, para que os não conhecedores do prazer de dirigir um Dodge Magnum o descubram e, nossa suprema pretensão, catalogarmos quantas unidades resistiram aos infortúnios das últimas décadas.

destaque

CATALOGUE SEU MAGNUM

Ajudemo-nos a levantar quantos Dodges Magnum sobreviveram às intempéries das últimas décadas!
Acesse

destaque

PRESERVADOS PARA SEMPRE

Confira os catalogados!
Acesse